P1 - Duplicação da BR-381, trecho Belo Horizonte a Governador Valadares

Gestor: Luciano Araújo - Vice-presidente FIEMG
Meta: Conclusão dos lotes 3.1 e 7 no trecho entre Belo Horizonte e Governador Valadares até Março de 2021
Situação: Em andamento
 

✔ Apoiar e monitorar as obras de duplicação da BR-381 N 

RESPONSÁVEL: Luciano Araújo
PRAZO: conclusão da obra

✔ Acompanhar o processo de concessão da duplicação da BR 

RESPONSÁVEL: Luciano Araújo
PRAZO: 25/11/2021

✔ Em andamento                X Não iniciado/interrompido                ⁞ Em implantação                ↑ Implementado/Concluído                ≡ Suspenso

Mobirise

TCU aprova edital de concessão da BR-381 e leilão está previsto para outubro

O Tribunal de Contas da União (TCU) aprovou por unanimidade na noite desta quarta-feira (28) o edital para concessão das BR-381 e 262. Agora, cabe à Agência Nacional de Transportes Terrestres (ANTT) publicar o edital com as regras do leilão.

Segundo o Ministério da Infraestrutura, a licitação deve ocorrer no último trimestre deste ano, mais precisamentre entre outubro e novembro.

 AÇÕES CONCLUÍDAS

  • 1. Criar projeto de mobilização e monitoramento das obras de duplicação da BR-381.
  • 2. Articular para emissão das Ordens de Serviço de início das obras de duplicação da BR-381.
  • 3. Solicitar reunião com Deputados Estaduais, Deputados Federais, Senadores e FIEMG.
  • 4. Agendar uma reunião em Brasília com os Ministros do Planejamento e Transporte e um grupo de lideres em prol do aumento do orçamento para duplicação.
  • 5. Monitorar evolução orçamento disponivel com: Ministério do Planejamento (Secretaria do PAC) , Ministério dos Transportes e Bancada Parlamentar Federal de Minas Gerais. 
  • 6. Apoiar obtenção das autorizações ambientais necessárias as obras do Lote 7. 
  • 7. Criar uma frente parlamentar composta por deputados federais e estaduais para dar sustentação política ao novo Superintendente do DNIT MG. 
  • 8. Sensibilizar para construção de proposta orçamentária de 2017 favorável. 
  • 9. Garantir o empenho na liberação dos R$93 milhões restantes da verba de R$228 milhões já aprovada no orçamento 2018. 
  • 10- Solicitar aos deputados uma audiência pública, no Vale do Aço, junto ao Ministério dos Transportes para discutir o modelo de concessão. 
  • 11. Acompanhar audiências públicas da ANTT sobre o modelo de concessão da rodovia, manifestando o posicionamento do setor produtivo e protocolar um documento que conste as solicitações feitas. 

© Agenda de convergência 2021. All Rights Reserved.

Web page was designed with Mobirise